Central de Vendas (11) 4772-0101

Prédios Restaurados em São Paulo

Mais informações
Autor:
Antonio Carlos Gouveia Júnior (veja mais livros deste autor)
Editora:
DECOR BOOKS(veja mais livros desta editora)

Produto indisponível no momento, quer ser avisado?

Preencha os dados abaixo para ser avisado quando retornar.

Desejo receber newsletter
No momento não temos o produto disponível em nosso estoque.
Avalie:

Livro sobre prédios restaurados resgata valor cultural de edificações paulistas e sua memória preservada. “PRÉDIOS RESTAURADOS EM SÃO PAULO”, recente lançamento da editora DECOR BOOK, reúne importantes prédios da capital paulista e de cidades próxima s – de diversos períodos de construção e valores históricos. Há desde casas construídas ao longo dos caminhos desbravados por bandeirantes – as chamadas Casas Bandeiristas – aos palacetes de inspiração normanda encomendadas por prósperos comerciantes – caso do Palacete Baruel. O livro traz um breve relato sobre a edificação em si (sistema construtivo, materiais etc) e a situa em seu momento cronológico, contextualizando-o dentro do panorama da história do país – inclusive a recente. Um bom exemp lo é a construção do Matadouro Municipal (hoje Cinemateca), em época de disseminação de grandes epidemias. A Revolução de 1932 também marcou sua cronologia por meio da arquitetura paulistana, quando alguns alunos do Liceu Coração de Jesus foram alvej ados durante um dos confrontos. A riqueza cafeeira proporcionou mais ostentação aos seus cafeicultores, que residiam na região do centro de São Paulo e erguiam na região mais “alta” suas casas de veraneio. Essa região era a Avenida Paulista, e poucas dessas mansões puderam se manter, como a Casa das Rosas. As Casas Modernistas vão além de um registro de uma nova ordem arquitetônica. Todo o conglomerado das Indústrias Reunidas Matarazzo – símbolo da industrialização nos anos 1940 – ainda exibe se u esplendor em tijolos aparentes no bairro da Água Branca. A inspiração inglesa, presente no grande eixo Luz (Pinacoteca do Estado, estação da Luz, Estação Júlio Prestes), desenhou o perfil do antigo centro, desenvolvido a partir da malha ferroviária . O livro também resgata a influência eclesiástica na própria arquitetura, não apenas por suas igrejas, como pela formação de mão de obra altamente especializada entre os monges.

Código de barras:
9788599742600
Dimensões:
0.00cm x 23.00cm x 31.00cm
Edição:
1
Marca:
DECOR BOOKS
Idioma:
Português
ISBN:
9788599742600
ISBN13:
9788599742600
Número de páginas:
280
Peso:
1100 gramas
Encadernação:
Capa dura