FOLGANCAS POPULARES: ENTRUDO E CARNAVAL (MINAS GERAIS, SEC. XIX)
  • FOLGANCAS POPULARES: ENTRUDO E CARNAVAL (MINAS GERAIS, SEC. XIX)

folgancas populares: entrudo e carnaval (minas gerais, sec. xix)

editora: annablume
autor: marco césar de araujo
SOB ENCOMENDA Cadastre-se e seja avisado quando o produto chegar.

Dados Técnicos

Autor:
Encadernação:Brochura
ISBN13:9788574197944
ISBN10:8574197947
Número de Páginas:0
Número Edição:1
Ano Edição:2008

Largura:1
Profundidade:1
Peso:0,3
Altura:1
De R$ 45,00 Por R$ 36,00 ou em até 1x sem juros de R$ 36,00 no cartão
Indique este produto
Informações
Selecione a visualização desejada: Lista
Sinopse folgancas populares: entrudo e carnaval (minas gerais, sec. xix)
Presente livro tem como objetivo discutir um festejo bastante popular, ocorrido em Minas Gerais e no Brasil até finais do século XIX. Tal festejo, ou folgança, chegou em terras brasileiras trazido pelos colonizadores portugueses, que no além-mar também já o conheciam e com qual se divertiam bastante. Embora, é preciso alertar, fosse considerado por outras sociedades européias como pobre de gosto e grosseiro. Referimo-nos aqui às brincadeiras de Entrudo. Divertimento que ocorria nos três dias anteriores à Quarta-feira de Cinza, quando então se iniciava o período da Quaresma. O entrudo era um divertimento bastante singular, para o qual se fazia uso sobretudo de água, e diga-se, água em abundância, jogada sobre as pessoas. Mas não apenas isto, utilizava-se também na brincadeira farinha, alvaiade e outras substâncias. Podia ainda ser um momento para se "pregar peças" nos conhecidos. Além disso, no século XIX o divertimento se "sofistica" e ganha lugar na preferência dos participantes os chamados "limões-de-cheiro". Porém, por outro lado, à medida que o século XIX avança as elites intelectuais e políticas brasileiras, desejosas de verem o país, como se dizia na época, avançar na civilização e se aproximar das nações européias, passam a implementar medidas civilizadoras. Dentre outras medidas, vê-se o controle dos costumes e práticas culturais considerados pouco civilizados, bárbaras, como por exemplo, os festejos de entrudo. Nesse movimento, outro modo de se divertir antes do período da quaresma vai se projetando e ganhando destaque: o Carnaval.

FOLGANCAS POPULARES: ENTRUDO E CARNAVAL (MINAS GERAIS, SEC. XIX)

FOLGANCAS POPULARES: ENTRUDO E CARNAVAL (MINAS GERAIS, SEC. XIX)
De R$ 45,00 Por R$ 36,00 ou em até 1x sem juros de R$ 36,00 no cartão