Cabungos e Buquês
  • Cabungos e Buquês

cabungos e buquês

editora: insular
autor: aldo votto
SOB ENCOMENDA Cadastre-se e seja avisado quando o produto chegar.

Dados Técnicos

Autor:
ISBN13:9788574748610
ISBN10:8574748617
Número de Páginas:64
Número Edição:1
Ano Edição:2015

Largura:12
Profundidade:1
Peso:0,08
Altura:21
De R$ 28,00 Por R$ 22,40 ou em até 1x sem juros de R$ 22,40 no cartão
Indique este produto
Informações
Selecione a visualização desejada: Lista
Sinopse cabungos e buquês
Passados dez anos da publicação de Quatro Nomes, também pela Editora Insular, Aldo Votto reúne em Cabungos e Buquês poemas divulgados ao longo desse tempo em coletâneas de concursos literários, ônibus e trens, encontros poéticos e saraus, e pela rede mundial de computadores, além de alguns inéditos em qualquer meio. Por ser muito próximo a ele, soube pelo autor deste livro que os poemas, às vezes, não chegam; outras vezes chegam de trem e, pela rapidez daquele meio de transporte, transversos e em três versos. Várias vezes, eles entram pelas consagradas janelas do olhar: um quintal sem plantas; uma semente que cai logo adiante; a foto de um prato de comida; uma praia urbana ao amanhecer; uma paisagem natural, a imagem da transeunte desconhecida filtrada pela luz de um copo de chope solitário. Há outros que derramam sentimentos e perplexidades: a dificuldade de explicitar o amor em palavras; a constatação da reciprocidade incerta do amor; o amor fraternal interespécies; os limites impostos pelo tempo aos encontros. Há os poemas lúdicos que brincam com os sons finais das palavras; aqueles que querem conversar sobre a solidariedade; os que não conseguem dizer e compartilham a mudez diante do inesperado. Por outra vertente, se apresentam os inelutáveis poemas curriculares; aqueles que homenageiam a quem de direito; os que se despedem com gratidão e respeito; as reflexões em versos sobre o curso dos instantes, sobre o dia a dia, sobre a tecnologia que transforma até mesmo a poesia. Para completar o feixe, há os poemas provocados: por uma correspondência eletrônica de amigos, por um diálogo internético, por outros poemas e poetas. Tenho a impressão que esse, entre outros possíveis, pode ser um roteiro básico para a leitura de Cabungos e Buquês. C. M. O autor já publicou os poemas “Estatuária”, em 1999, na coletânea do 3º concurso “Conto e Poesia” – SINERGIA, “Chuva” e “12 trabalhos e um poema”, em 2002, na 4ª edição do mesmo evento, e “Amor Total”, em 2004, no livro do Habitasul - Revelação Literária na Feira. Nasceu à beira-mar, na cidade de Rio Grande, no Rio Grande do Sul. Decorridos quase nove lustros e percorridos cinco graus de latitude para o norte, junto com a mulher Beatriz, vive, trabalha, cria os filhos ilhéus Victória e Lourenço, e traça versos inspirados pelas belezas de Florianópolis. No entanto, foi em Porto Alegre, que cresceu, estudou e começou sua vida profissional. O gosto pela poesia foi estimulado, quem sabe, pelo nome

Cabungos e Buquês

Cabungos e Buquês
De R$ 28,00 Por R$ 22,40 ou em até 1x sem juros de R$ 22,40 no cartão