Operação Urbana e Lutas Sociais: Um Histórico da Propriedade no Butantã e da Reversao da Operação Ur
  • Operação Urbana e Lutas Sociais: Um Histórico da Propriedade no Butantã e da Reversao da Operação Ur

operação urbana e lutas sociais: um histórico da propriedade no butantã e da reversao da operação ur

editora: annablume
autor: marcio rufino silva
Disponível Previsão de Postagem em até 7 dia(s) útil(eis) + tempo de transporte (conforme frete escolhido), após a confirmação do pagamento.

Dados Técnicos

Autor:
ISBN13:9788539108237
ISBN10:8539108237
Número de Páginas:340
Número Edição:1
Ano Edição:2016
Comprimento:
Altura:
De R$ 82,50 Por R$ 66,00 ou em até 2x sem juros de R$ 33,00 no cartão
Adicionando ao carrinho.
Clique aqui caso você não seja redirecionado.
ou
Indique este produto
Informações
Selecione a visualização desejada: Lista
Sinopse operação urbana e lutas sociais: um histórico da propriedade no butantã e da reversao da operação ur
Como foi possível a Operação Urbana Consorciada Vila Sônia? Ou ainda, como nasceu o projeto e sob quais pressupostos teria sido montada essa arquitetura no campo da ação estatista em escala municipal? O instrumento urbanístico “operação urbana”, talcomo se apresenta nos dias atuais, é condição e resultado de mais de duas décadas de experiências práticas e certos refinamentos teóricos. No caso da Vila Sônia, um elemento de ordenamento do espaço aproveitando as potencialidades postas pela implantação da Linha 4 Amarela do Metrô e seu correspondente atrativo ao mercado imobiliário na Zona Oeste da Cidade de São Paulo. Mas essa política não seria acordada sem a necessária participação popular e a consideração das experiências anteriores. E foi justamente a ausência da participação popular a motivação central do processo judiciário levantado pelos movimentos de moradores do Butantã e pelo Ministério Público Estadual contra a Prefeitura Municipal de São Paulo, o que resultou no embargo do projeto. Como foi possível a Operação Urbana Consorciada Vila Sônia? Ou ainda, como nasceu o projeto e sob quais pressupostos teria sido montada essa arquitetura no campo da ação estatista em escala municipal? O instrumento urbanístico “operação urbana”, tal como se apresenta nos dias atuais, é condição e resultado de mais de duas décadas de experiências práticas e certos refinamentos teóricos. No caso da Vila Sônia, um elemento de ordenamento do espaço aproveitando as potencialidades postas pela implantação da Linha 4 Amarela do Metrô e seu correspondente atrativo ao mercado imobiliário na Zona Oeste da Cidade de São Paulo. Mas essa política não seria acordada sem a necessária participação popular e a consideração das experiências anteriores. E foi justamente a ausência da participação popular a motivação central do processo judiciário levantado pelos movimentos de moradores do Butantã e pelo Ministério Público Estadual contra a Prefeitura Municipal de São Paulo, o que resultou no embargo do projeto.

Operação Urbana e Lutas Sociais: Um Histórico da Propriedade no Butantã e da Reversao da Operação Ur

Operação Urbana e Lutas Sociais: Um Histórico da Propriedade no Butantã e da Reversao da Operação Ur
De R$ 82,50 Por R$ 66,00 ou em até 2x sem juros de R$ 33,00 no cartão
Adicionando ao carrinho.
Clique aqui caso você não seja redirecionado.
ou